Deadpool | Roteirista diz que filme foi feito por causa da Disney

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Rhett Reese, roteirista de Deadpool, explicou em entrevista à Variety como a Disney, de certa forma, ajudou o filme a virar realidade.

Reese disse que a intenção dele, do coroteirista Paul Wernick e do protagonista de Deadpool, Ryan Reynolds, desde o começo era “escrevê-lo tão sombrio quanto nossas mentes permitiriam, e tão bobo, sexual e violento quanto gostaríamos”. “Então, fizemos isso, e o roteiro ficou em uma prateleira por seis anos”, completou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Durante esse período que o roteiro ficou engavetado, a Disney comprou a Marvel e os filmes das empresas passaram a dominar as bilheterias. Até que Reese teve a ideia de fazer um filme de super-herói diferente, que desafiasse os padrões do mercado saturado pelo gênero.

“Vamos fazer algo que a Marvel e a Disney não podem. Acho que isso contribuiu para o sucesso do filme”, afirmou Reese.

A aposta deu certo e Deadpool arrecadou um total de US$ 783 milhões pelo mundo, se tornando não apenas o título mais lucrativo da franquia X-Men como um dos maiores faturamentos de todos os tempos de filmes proibidos para menores.

Ryan Reynolds reprisará o papel do mercenário desbocado em Deadpool 2, que será dirigido por David Leitch (De Volta Ao Jogo). A sequência ainda não tem data definida, mas um lançamento está programado para 2018.

Ryan Reynolds quer que herói tenha namorado na continuação

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio