O Collider confirmou que Logan, o terceiro filme solo de Wolverine, terá uma cena pós-créditos.

Detalhes sobre a tal cena não foram revelados, já que a Fox está escondendo este material da imprensa. A informação já havia vazado há alguns dias, quando uma rede de cinema americana descobriu que a Fox tinha aumentado em três minutos a duração de Logan, indicando assim a presença de uma cena pós-créditos.

Será interessante especular sobre a natureza da cena – um indício de onde a franquia X-Men irá seguir, ou dicas sobre o futuro de Wolverine? – uma vez que Logan marcará a despedida de Hugh Jackman como o mutante.


Logan é “uma carta de amor aos fãs de Wolverine”, afirma Hugh Jackman

Logan mostrará o mutante e o Professor Charles Xavier tentando lidar com a perda dos X-Men enquanto tentam impedir uma corporação liderada por Nathaniel Essex de destruir o mundo. As habilidades mutantes de Logan estão cansadas e o Alzheimer do Professor Xavier está fazendo-o esquecer dos X-Men, e Logan acaba se aliando à Laura Kinner, clone feminino de Wolverine, para encontrar Nathaniel.

“Estamos preocupados com o tom sombrio do filme”, admite presidente da Fox

Boyd Holbrook (Narcos) faz o vilão principal, e Richard E. Grant, Eriq Lasalle e Elise Neal completam o elenco de Logan, que será proibido para menores de 18.

Dirigido por James Mangold (Wolverine – Imortal), Logan chegará aos cinemas brasileiros em 2 de março.

Crítica | Logan