Durante sua aparição no talk show de Jimmy Kimmel, Viola Davis revelou estar sentindo a pressão de ser favorita ao Oscar 2017 de melhor atriz coadjuvante.

“Eu já fui a favorita outras vezes e acabei não ganhando”, disse ela, indicada por seu papel no drama Um Limite Entre Nós. “Isso é devastador e torna tudo muito pior. Você está sentada acreditando ser a favorita e acaba não vendo seu nome chamado”, desabafou.

Viola, que entrou para a história do Oscar como a atriz negra com o maior número de indicações (3), confessou ainda que prefere ir às premiações não sendo a favorita da categoria, pois a decepção assim é menor.


“É como cair de um prédio de 100 andares. Se você sabe que vai perder é como cair só do primeiro andar”, comparou a atriz, arrancando risos da plateia.

A atriz disputa o 2017 com Naomi Harris (Moonlight: Sob a Luz do Luar), Nicole Kidman (Lion: Uma Jornada para Casa), Octavia Spencer (Estrelas Além do Tempo) e Michelle Williams (Manchester À Beira-Mar).

Viola Davis defende Meryl Streep: “Qualquer um que a chame de superestimada não entende nada de atuação”

Um Limite Entre Nós estreia em 2 de março no Brasil.