Logan | Abertura mais dramática foi cortada por diretor: “Parecia um filme dos X-Men”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aviso para spoilers a seguir!

A abertura de Logan poderia ser muito diferente – e, aos olhos do diretor, James Mangold, algo bem mais “X-Men”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A cena inicial original consistia no Wolverine encontrando o Instituto Xavier em destroços e vários mutantes mortos pelo Professor X. Essa é uma cena importante e até certo ponto necessária para o desenrolar da história. Mesmo assim, o diretor preferiu tirá-la da versão final do longa.

Hugh Jackman conta como está a vida pós-Wolverine: “Comendo cereal às 2h da manhã”

O argumento para tal decisão, por parte do diretor, foi de distanciar Logan dos outros filmes X-Men. Confira a declaração de Mangold na íntegra:

“Quanto mais eu pensava nisso, mais parecia um filme comum dos X-Men. O que eu queria fazer era dizer apenas o essencial para que o público entendesse o que os personagens estão sentido, mas não o bastante para que se torne algo expositivo demais como o mundo louco dos filmes de quadrinhos.”

O incidente é tratado brevemente em algumas falas, espelhados no fato de Charles precisar tomar remédios para controlar seu poder, evitando que algo tão ruim quanto aconteça novamente.

Logan chegou aos cinemas brasileiros nesta quinta, 2 de março.

Crítica | Logan

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio