Wolverine | Hugh Jackman quase desistiu do papel após X-Men Origens: Wolverine

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista à Entertainment Weekly, Hugh Jackman revelou que quase desistiu de continuar vivendo Wolverine após o lançamento de X-Men Origens: Wolverine (2009).

“Eu não conseguia ver qual era o próximo passo [do personagem], eu não sabia mais o que fazer. Eu não sabia para onde ir…”, justificou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ator credita parte da ideia de deixar o papel na época à recepção negativa dos fãs ao filme:

“Eu sabia que as pessoas gostavam do personagem. Mas nem todos os fãs gostaram do primeiro Wolverine, e eram bem verbais comigo sobre isso. Bom ou ruim [o filme], eles me falam. ‘O que você estava pensando?! Eu te amo, cara, mas isso era…’. É meio como uma família que eu tenho”, completou.

Eventualmente, Jackman decidiu aposentar o mutante em Logan, que chegou aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, 2 de março.

Crítica | Logan

Especula-se que o último filme de Hugh Jackman como Wolverine tenha abertura de cerca de US$ 60 milhões em solo americano e US$ 170 milhões pelo mundo no seu primeiro fim de semana.

Se os números se confirmarem, Logan conquistará a segunda maior abertura doméstica de um filme solo do Wolverine, atrás apenas de X-Men Origens: Wolverine, que debutou com US$ 85 milhões em 2009.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio