Bruxa de Blair | Final do filme original seria mais cruel e sombrio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

SPOILERS ABAIXO.

2017 marcará a comemoração de 18 anos do lançamento do filme A Bruxa de Blair, e o Entertainment Weekly conversou com Dan Myrick e Eduardo Sanchez a respeito do final do filme, polêmico até hoje.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Nós não tínhamos dinheiro para realizar bons efeitos visuais e queríamos realizar um final que não estragasse o resto do filme, acabamos tendo a ideia três dias antes de filmar. Achamos que ficaria interessante, como se fosse algo inexplicável, mas acabou dando uma sensação sobrenatural indesejada”, disse ele.

Os diretores disseram ainda que como eles não tinham dinheiro para produção, conseguiram verbas de patrocínio para filmar finais alternativos, e chegaram a cogitar exibir alguns deles. Em certo final Adam estaria enforcado no canto da parede, em outro veríamos monstros ou fantasmas.

O remake do filme foi dirigido por Adam Wingard (Você é o Próximo, The Guest), e é o terceiro filme da franquia depois de A Bruxa de Blair (1999) e Bruxa de Blair 2 – O Livro das Sombras (2000). Embora seja rotulado como sequência, o diretor Adam Wingard afirma que o novo filme também serve como um recomeço da franquia de terror.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio