Damon Lindelof, um dos criadores de Lost, não pretende se tornar diretor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na indústria televisiva, não é incomum que roteiristas ou showrunners comecem a investir em direção. Por isso, muitos especulavam se Damon Lindelof, que ficou conhecido por ter sido cocriador e showrunner de Lost, não teria planos de dirigir algum filme ou série.

Depois de Lost, Lindelof já se envolveu, como produtor, showrunner, cocriador ou roteirsta, em diversos projetos. Crossing Jordan, Nash Bridges, Wasteland, Cowboys & Aliens são apenas alguns dos vários trabalhos que constam em seu currículo. Atualmente, ele está na série da HBO The Leftovers, adaptada do romance de Tom Perrota.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

À Slashfilm, Lindelof declarou que prefere deixar outros dirigirem suas criações do que perder o sono ao ver que um episódio ou filme não saiu da forma como ele havia imaginado.

“A parte mais difícil desse trabalho, para mim, é se desapegar da forma como eu queria que fosse. Se você é um romancista, pode ser exatamente como você quer, porque é apenas você e a página. Você tem completo e total controle sobre aquele universo”, disse Landelof.

“Acho que, se eu fosse dirigir, iria regredir àquele estado egomaníaco, despotíco: ‘Precisa serm assim. É assim que eu queria que fosse’. Mas as coisas não acontecem dessa maneira”, declarou ainda o roteirista, complementando que não tem planos de dirigir – ao menos num futuro próximo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio