Quando foi anunciado que Dunkirk, novo filme de Christopher Nolan, teria classificação PG-13 (ou para maiores de 13 anos), questionou-se o fato de um filme que aborda uma operação militar de Segunda Guerra Mundial não ter uma classificação mais restrita, sugerindo-se que o diretor teria aliviado nas cenas de violência para atingir um espectro de público maior.

Contudo, Nolan declarou à Associated Press que todos os seus filmes têm essa mesma classificação, e que ele se sente confortável assim. “Dunkirk não é um filme de guerra. É uma história de sobrevivência e, sobretudo, um filme de suspense”, declarou o diretor, que já foi indicado ao Oscar três vezes.

“Há muita intensidade no filme, que não necessariamente envolve aspectos sangrentos de combate, o que já foi feito em tantos filmes. Estávamos realmente querendo ter uma abordagem diferente e alcançar a intensidade de outra maneira”, completou Nolan.


Baseado na história real da Operação Dínamo, também conhecida como a Evacuação de Dunkirk, operação militar que aconteceu no início da Segunda Guerra Mundial, o filme tem no elenco Tom Hardy (Mad Max: Estrada da Fúria), Mark Rylance (Ponte dos Espiões), Kenneth Branagh (Hamlet) e o cantor Harry Styles, do One Direction.

Dunkirk estreia em 27 de Julho deste ano.