Mark Rylance, que interpreta um civil em Dunkirk, ficou impressionado em como Christopher Nolan resolveu esconder informações sobre o filme até que ele ficasse pronto. O ator explicou que nem mesmo seu agente foi autorizado a ver o roteiro da próxima obra, que já vem sendo cotada como o principal nome do Oscar 2018.

“Meu agente não tinha permissão para ver o roteiro”, iniciou Rylance, em entrevista à Variety. “Chris enviou um envelope diretamente para mim e provavelmente em um carro blindado. Estou feliz por ter conseguido isso porque foi uma profunda aceitação do gênero de filmes de guerra e deste evento em particular”, revelou..

Aneurin Barnard, que interpreta o Comandante Bolton, também teve uma experiência similar. “Chris e somente Chris me entregou o envelope com as páginas vermelhas não fotocopiáveis, com o meu tipo de nome esculpido nele”, revelou. “Quando houve uma revisão do roteiro, tive que voar para Los Angeles e entregá-lo diretamente de volta para ele. Eu senti como se estivesse em um filme espião”, comparou.


Dunkirk é baseado na história real da Operação Dínamo, também conhecida como a Evacuação de Dunkirk, operação militar que aconteceu no início da Segunda Guerra Mundial – contudo, não é definido pelo diretor como um “filme de guerra”.

Dunkirk estreia em 27 de julho deste ano.