Dunkirk | Atores revelam proibições de Christopher Nolan no set de gravações

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os astros de Dunkirk Mark Rylance e Barry Keoghan foram entrevistados pelo podcast Kernels e revelaram algumas curiosidades a respeito do diretor do longa, Christopher Nolan. Os dois contaram o que o cineasta proibiu dentro do set de gravações do filme de guerra, que já é cotado como um dos favoritos ao Oscar de melhor filme do ano.

“Ele faz coisas bem particulares, como não gostar de ter cadeiras no set para atores ou garrafas de água, ele é muito específico nisso”, revelou Rylance. “São distrações – o ruído (das garrafas), elas são como brinquedos quase, brincar com brinquedos. (A falta de cadeiras, enquanto isso) o mantém em seus dedos do pé, literalmente”, completou Keoghan.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A ideia do diretor é evitar qualquer distração para que tudo fique o mais próximo do real. E essa dinâmica também foi tomada em relação aos efeitos especiais. “Ele é tem uma ideia muito particular sobre gravar e tudo precisa ser real em frente a câmera, então tem um monte de técnicas antigas usadas em filmes para as coisas parecerem reais. As chamas na água e os homens nadando nelas, ele realmente que minimizar a quantidade de pós-produção e CGI”, explicou Rylance.

Dunkirk é baseado na história real da Operação Dínamo, também conhecida como a Evacuação de Dunkirk, operação militar que aconteceu no início da Segunda Guerra Mundial – contudo, não é definido pelo diretor como um “filme de guerra”.

Dunkirk estreou nos cinemas brasileiros na última quinta-feira (27).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio