Tyrese Gibson conversou com a Collider sobre sua experiência na saga Velozes e Furiosos, especialmente sobre diversidade no elenco do filme e o que isso significa para os produtores.

“A nossa franquia tem cantado as virtudes da diversidade há 16 anos, então foi bom ver que Hollywood finalmente chegou no nosso patamar nos últimos anos”, brincou Gibson.

“Família é uma língua universal. Não é realista, especialmente em 2017, dizer que pessoas brancas só tem amizades com outras pessoas brancas. Quando você vê diversidade, é algo lindo de se ver, especialmente em um filme de ação em que é dada a oportunidade a todo tipo de pessoa para entrar em ação”, disse.


“Isso é grande parte do motivo pelo nosso sucesso, além do fato dos fãs terem crescido conosco. Faz 16 anos que estamos por aí”, completou.

Velozes e Furiosos | Diretor do último filme responde críticas de Michelle Rodriguez