Desejo de Matar | Remake estrelado por Bruce Willis é acusado de racismo e inclinação política

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desejo de Matar, remake do clássico filme de vingança de 1974, ganhou seu primeiro trailer nessa quinta-feira (03) e mesmo antes de seu lançamento ele já está causando alvoroço.

No Twitter o filme foi severamente acusado de ser racista e foi até mesmo chamado de “fan-fic de direita”, pois segundo muitas pessoas, é uma história apenas pensada pelos fãs. O filme ainda está no processo de trailers, mas já recebeu críticas pesadas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na trama, um homem parte para a pancadaria quando sua mulher é morta e sua filha violentada por um grupo de assaltantes. Willis ficará com o papel que foi de Charles Bronson no filme original.

A última versão do roteiro foi escrita por Scott Alexander e Larry Karaszewski, a dupla responsável pela minissérie American Crime Story. A estreia ficou para 22 de novembro nos EUA (sem previsão para o Brasil).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio