Darren Aronofsky diz que filmes recentes do Batman roubaram ideias de sua proposta rejeitada pela DC

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor Darren Aranofsky disse que os conceitos dos longa-metragens recentes do Batman foram retirados de ideias antigas dele.

No início da década passada, entre o lançamento de Batman e Robin e Batman Begins, o diretor apresentou à Warner Bros. um conceito para um filme do Batman inspirado por clássicos como Taxi Driver e pela HQ Batman: Ano Um – a mesma que serviu de base para o primeiro longa-metragem da trilogia Nolan. A ideia acabou rejeitada. Agora, com o anuncio de um filme spin-off do Coringa de baixo orçamento e que terá influência de Taxi Driver, o diretor alega que o estúdio roubou suas ideias.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Sabe… eu acho que minha ideia do Batman há 15 anos estava prematura. Porque eu ouço o que eles estão falando do filme do Coringa e era isso – era a minha ideia”. O diretor, entretanto, não parece chateado e até elogiou os filmes da trilogia de Christopher Nolan: “E o que eu acho do trabalho do Chris… Ele foi capaz de pegar toda a escuridão e o psicológico do personagem”.

Aranofsky ainda se mostrou empolgado com a chegada de spin-offs de baixo orçamento e produzidor para o público adulto: “Eles estão fazendo spin-offs, e isso é ótimo. Esse é exatamente o momento, porque eles podem tomar riscos e nós não vamos ver sempre o mesmo filme de super-herói de novo e de novo. Você tem coisas como Deadpool, o que é um alívio em relação a ver sempre o mesmo de novo e de novo”.

Fonte: Heroic Hollywood

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio