Estúdio vence processo contra Mel Gibson e vai lançar filme com corte não aprovado pelo diretor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor Farhad Safinia, que estrearia no cargo em The Professor and the Madman, e o seu velho amigo Mel Gibson, que está no elenco da produção, perderam um processo contra o estúdio Voltage Pictures.

Os dois processavam os produtores por tirarem controle criativo sobre o filme do diretor Safinia e criarem uma versão não aprovada que seria lançada nos cinemas. Segundo o juiz Consuelo Marshall, no entanto: “Os acusadores falham em demonstrar que o lançamento do corte de estúdio do filme incorrerá em dano irreparável para suas carreiras ou pessoas”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O filme contaria a história da fundação do dicionário de Oxford e seu criador, Simon Winchester. Sean Penn, Natalie Dormer e Ioan Gruffud também estão no elenco do drama.

Ainda não há data de estreia, mas após essa vitória a Voltage pode tentar vender o filme para possíveis distribuidores.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio