Renomado site de cinema dos EUA é processado por matéria falsa, pode ter que pagar R$15 milhões

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Já se vão três anos desde que o estúdio Sony foi hackeado e e-mails comprometedores de executivos foram vazados, mas o escândalo não acabou. Segundo o Deadline, o site The Hollywood Reporter, um dos mais conceituados do mercado de cinema e TV dos EUA, está sendo processado por uma matéria alegadamente falsa acerca do ataque de hackers.

Nicole Basile é a autora do processo, clamando que o site e a revista The Hollywood Reporter publicaram uma matéria identificando-a, falsamente, como uma das hackers do estúdio. “Indiferente ao caos que esse artigo causaria na vida da Sra. Basile, a revista o publicou com negligência e reconhecimento de sua falsidade, a fim de colher os benefícios de uma história sensacionalista”, dizem os advogados da moça.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os advogados querem uma indenização de até US$5 milhões, ou mais de R$15 milhões, para a Sra. Basile.

Poucas horas após a publicação do artigo, o FBI desmentiu o The Hollywood Reporter e divulgou que grupos norte-coreanos eram na verdade responsáveis pelo ataque de hackers, graças a uma cena em que o presidente de seu país, Kim Jong-un, era assassinado na comédia A Entrevista, com James Franco e Seth Rogen.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio