Agora que Blade Runner 2049 já estreou nos cinemas de todo o mundo, o roteirista Hampton Fancher, responsável tanto pelo original quanto pela sequência, se abriu sobre os muitos rascunhos pelo qual o filme passou… desde 1986.

Segundo ele, em entrevista ao Los Angeles Times, a primeira vez que uma sequência de Blade Runner (1982) foi cogitada foi 31 anos atrás, com um roteiro que mostraria a segunda missão de Rick Deckard como caçador de androides, ao invés de pular para o futuro.

“Aconteciam algumas coisas horríveis com ele nesse primeiro rascunho. Então, anos depois, eu escrevi um pequeno conto localizado no universo de Blade Runner que era protagonizado por K [personagem de Ryan Gosling no novo filme], e daí nasceu o roteiro de Blade Runenr 2049”, contou.


“A única diferença é que em ambos os meus primeiros rascunhos Deckard morria no final. Tanto em 1986, na sequência original, quanto no primeiro rascunho de Blade Runner 2049. Penso que poderíamos contar essa história em uma continuação”, disse ainda.