Círculo de Fogo: A Revolta ainda está longe de estrear (confira o primeiro trailer aqui), mas o diretor Steven S. DeKnight garante que o estúdio já pensa em mais continuações para a franquia começada em 2013 por Guillermo Del Toro.

Falando aos fãs na New York Comic-Con 2017 (via ComicBook), DeKnight disse: “Del Toro preparou o terreno. Queríamos honrar o que ele fez e expandir o universo. Esperamos que esse seja o primeiro passo de uma grande franquia”.

“Exploramos muito mais esse mundo no segundo filme. Há referências ao primeiro, e ao que aconteceu no primeiro, mas os nossos personagens estão buscando entender os Kaijus e porque eles atacaram de uma forma inédita. Nos movemos 10 anos para o futuro”, disse ainda.


John Boyega (Star Wars) estrela como o rebelde Jake Pentecost, um piloto de Jaeger que já foi promissor, e cujo lendário pai deu sua vida para assegurar a vitória da humanidade contra os monstruosos Kaiju. Jake desde então abandonou seu treinamento, apenas para se envolver no submundo do crime. Mas quando uma ameaça ainda mais impossível aparece para destruir nossas cidades e levar o mundo aos joelhos, é dada a ele uma última chance para honrar o legado de seu pai, com a ajuda de sua irmã Mako Mori (Rinko Kikuchi), que lidera uma corajosa nova geração de pilotos que cresceram sob a sombra da guerra. Eles procuram justiça pelos que se foram, e sua única esperança é se unir em uma revolta global contra as forças de extinção”, detalha a sinopse.

Círculo de Fogo: A Revolta foi escrito por Derek Connolly (Jurassic World). A direção está a cargo de Steven S. DeKnight (Demolidor).

O filme tem lançamento marcado para 23 de fevereiro de 2018.