Jim Carrey lembra briga com Tommy Lee Jones em Batman Eternamente: “Eu era o astro, e ele não gostava disso”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jim Carrey relembrou suas lendárias brigas com Tommy Lee Jones no set de Batman Eternamente (1995) durante nova entrevista com o apresentador Norm McDonald.

“Eu era o astro do filme, e ele não gostava disso. Ele é um ator fenomenal, eu ainda amo suas performances”, comentou Carrey, que interpretou o extravagante Charada no filme dirigido por Joel Schumacher. Lee Jones interpretou o Duas-Caras.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu o vi em um restaurante alguns dias antes do começo das filmagens. Resolvi cumprimentá-lo, fui até lá e disso: ‘Hey, Tommy, como você está?’”, relembrou Carrey. “O sangue simplesmente sumiu do rosto dele, ele ficou branco. Acho que estava pensando em mim 24 horas por dia, tendo fantasias de como me matar”.

“Ele se levantou da cadeira e me disse: ‘Eu te odeio. Eu realmente não gosto de você’. Eu fiquei espantado e respondi: ‘Uau, mas qual é o problema?’. Puxei uma cadeira, o que não foi muito esperto. Ele simplesmente disse: ‘Não posso apoiar as suas palhaçadas’”, contou ainda o astro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio