Desde que um novo filme na saga Matrix foi anunciado, muita polêmica foi feita sobre o trabalho do roteirista Zak Penn, que assinou filmes como Os Vingadores e O Incrível Hulk e foi chamado pelo estúdio para desenvolver o conceito.

Após o astro Keanu Reeves ser colocado nos holofotes por um fã durante a New York Comic-Con 2017 (Reeves disse “não saber de nada” sobre o novo filme), Penn se pronunciou no Twitter.

“Sim, estou escrevendo algo. Não é um reboot, um remake ou uma continuação. Vejam Animatrix, leiam os quadrinhos, e pensem no que as Wachowski fizeram”, escreveu ele.


“Um roteiro em desenvolvimento não é um filme. Não há elenco, diretor, estilo para ser discutido ainda. Não há nada para ver aqui, pessoal… Por enquanto”.

“Não há a necessidade de colocar atores ou qualquer outra pessoa nos holofotes por enquanto. Não é um reboot ou uma reimaginação, não vamos reescalar personagens”.

“De qualquer forma, esse não é o ponto do processo em que essas decisões seriam tomadas. Há muitos obstáculos para ultrapassar ainda”, concluiu.

Lançados em 1999 e 2003, os três filmes da saga Matrix arrecadaram mais de US$1.5 bilhões mundialmente. Animatrix foi um longa de animação lançado em 2003 que expandia o universo do filme em vários curtas metragens.