Mulher-Maravilha não é um “filme de mulher”, diz diretora Patty Jenkins

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A filme da Mulher-Maravilha é um dos mais bem-sucedidos do ano, e mesmo assim a diretora Patty Jenkins muitas vezes se vê obrigada a dispersar mitos machistas sobre seu trabalho. Por exemplo, aquele de que o filme é “só para mulheres”.

“É uma conversa que tinha que acontecer”, disse ela à Vanity Fair. “Não é tanto sobre observar a diversidade em um filme quanto sobre reconhecer que estamos em um mundo muito diverso. Um filme sobre uma mulher não o torna um ‘filme de mulher’. ‘Mulher-Maravilha’ é sobre se tornar uma heroína ou um herói”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A continuação de Mulher-Maravilha será lançada no dia 13 de dezembro de 2019, com a diretora Patty Jenkins e o roteirista Dave Callaham (Godzilla) à bordo. Mulher-Maravilha arrecadou mais de US$800 milhões mundialmente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio