Ellen Page acusa Brett Ratner de homofobia no set de X-Men: O Confronto Final

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz e ativista pelos direitos LGBT+ Ellen Page publicou um artigo em sua conta pessoal no Facebook onde ela discute sobre as diversas acusações de abuso sexual em Hollywood, revelando momentos conturbados que passou durante sua carreira.

De acordo com a atriz, o diretor de X-Men O Confronto Final, Brett Ratner fez uma piada homofóbica durante o primeiro dia de filmagem do longa, onde Ellen interpretou a mutante Lince Negra/Kitty Pride.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Ele disso sobre mim durante um encontro com o elenco antes de começarmos a filmar”, Page escreveu. “Eu tinha dezoito anos de idade. Ele olhou para a mulher próxima a mim, dez anos mais velha que eu, apontou para mim e disse: ‘Você deveria transar com ela para ela perceber que é gay.’

Ratner foi acusado de abuso sexual por seis mulheres em um artigo publicado no jornal Los Angeles Time no dia 1 de novembro. A atriz Natasha Henstridge contou que ele forçou ela a fazer sexo oral nele, enquanto Olivia Munn revelou um encontro em que ela levou comida ao trailer dele e ele se masturbou na frente dela.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio