Diretor de Logan é contra compra da Fox pela Disney: “Menos variedade nos filmes”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor James Mangold ganhou o respeito dos fãs de quadrinhos ao dirigir, em 2017, o filme Logan, que marcou a despedida de Hugh Jackman como Wolverine e Patrick Stewart como o Professor X.

Elogiado por seu tom sombrio e sua classificação para maiores, Logan marcou o cinema de super-heróis nesse ano. Mangold conversou com o Deadline sobre o filme e aproveitou para comentar sobre a possível compra da Fox pela Disney – não muito favoravelmente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Se essa compra significa que a Disney vai mudar o mandado que a Fox tem dado para seus diretores, eu acho que vai ser algo triste. Teremos menos variedade nos filmes”, contou. “Eu só espero que eu esteja errado e que isso seja positivo”.

“O que acontece quando você está fazendo um filme para maiores, nos bastidores, é que o estúdio precisa se ajustar à realidade de que não haverá produtos promocionais no McLanche Feliz, ou não haverá bonecos vendidos em lojas infantis. Toda a estratégia de merchandising muda, e muitas fontes de renda desaparecem”, explicou ainda, implicando que a Disney não estaria disposta a abrir mão disso.

As declarações de Mangold jogam uma sombra especialmente sob a franquia Deadpool, que retorna para sua segunda aventura em 31 de maio de 2018, e fez seu nome como um filme de super-heróis diferente, voltado para um público adulto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio