Integrantes do Partido Democrata nos Estados Unidos criticam compra da Fox pela Disney e podem prejudicar o acordo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A compra da Fox pela Disney deu o que falar essa semana. Porém, enquanto muitos discutem sobre a possibilidade de um crossover entre os Vingadores e os X-Men, nos Estados Unidos, muitas pessoas da indústria do cinema e fora dela estão temendo uma monopolização da produção cultural.

Devido a isso, integrantes do partido democrata norte-americano pretendem combater esse acordo feito entre as duas empresas. A senadora Amy Klobuchar, por exemplo, soltou um comunicado de que espera realizar uma audiência para supervisionar a fusão das duas empresas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Já o deputado David N. Cicilline, por sua vez, teme que isso aumente um monopólio televiso e acredita que a concorrência é cada vez mais necessário no meio da comunicação nos Estados Unidos. Ele acredita que os comitês especializados precisam supervisionar essa compra de forma próxima para que não ocorra o temido monopólio.

A compra que se deu por um valor de mais ou menos US$ 66 milhões (considerando as dívidas que a Disney adquiriu da Fox) deve ainda ser analisada e aprovada pelos órgãos do Estado. Desse modo, é possível que as declarações da senadora e do deputado possam impedir a fusão das duas empresas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio