Star Wars: Os Últimos Jedi | Morte de Carrie Fisher causou problemas técnicos no set

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando a morte de Carrie Fisher foi anunciada em dezembro de 2016, em meio ao luto, veio a notícia de que a atriz já havia completado suas cenas como Leia em Star Wars: Os Últimos Jedi; esta, portanto, se tornaria sua última aparição nas telas.

No entanto, em entrevista à Rolling Stone para promover o novo filme, o diretor Rian Johnson revelou que mesmo assim houveram problemas técnicos para resolver na ausência de Fisher – por exemplo, a atriz não havia completado o que o cineasta chama de ADR.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ADR é o trabalho que um ator faz após as filmagens para “regravar” diálogos que não foram bem captados pelos microfones usados nas filmagens, em meio à ação da cena.

“Nós tivemos que buscar pedaços de diálogo dela de outras parte do filme e de outras fontes para completar o que queríamos”, revela Johnson. “Mas demos um jeito para honrá-la com sua participação no filme”, concluiu.

Star Wars: Os Últimos Jedi | Final do filme possui dedicação especial a Carrie Fisher

Leia, inclusive, seria originalmente a personagem central da sequência de Star Wars: Os Últimos Jedi – planos que mudaram com a morte de Fisher – segundo conta Mark Hamill, o Luke Skywalker.

“Em O Despertar da Força, Han Solo era como o centro da trama entre os veteranos. Em Os Últimos Jedi, é Luke. Sinto que eles planejavam fazê-la o papel mais proeminente do Episódio IX. No mundo inteiro as pessoas sentem falta dela”, disse o ator.

“Vocês vão realmente amá-la em Os Últimos Jedi”, continuou. “Eles acharam um jeito de finalizar sua história no Episódio IX e dar a ela o respeito que ela merece”, finalizou.

Mark Hamill confessa que Carrie Fisher o convenceu a retornar para nova trilogia

Ainda de acordo com Rian Johnson, a performance final de Carrie Fisher como Leia é “emocionante”:

“Tem cenas no filme que ganham um novo contexto trágico por não tê-la mais aqui, e isso é incrivelmente emotivo. Agora os fãs vão poder celebrá-la como Leia uma última vez, vai ser intenso”.

Em Star Wars: Os Últimos Jedi, Rey treina com Luke enquanto Leia recruta Finn e Poe para missões diferentes em favor da Resistência e Kylo Ren termina seu treinamento ao lado do líder da Primeira Ordem, Snoke.

10 motivos pelos quais Os Últimos Jedi será melhor que O Despertar da Força

Dirigido por Rian Johnson, Star Wars: Os Últimos Jedi chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (14). O Episódio IX fecha a nova trilogia em dezembro de 2019, com direção de J.J. Abrams (O Despertar da Força).

Crítica | Star Wars: Os Últimos Jedi

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio