Steven Spielberg admite que era “um babaca impaciente” no set de E.T.

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista ao The Hollywood Reporter sobre seu novo filme, The Post: A Guerra Secreta, o diretor Steven Spielberg pesou o legado de sua obra e refletiu na experiência no set de alguns de seus clássicos, especialmente E.T. – O Extraterrestre (1982).

“Eu era um babaca impaciente no começo. Eu era muito esquentadinho e era muito duro com a minha equipe, o que os fazia me odiar, é claro”, contou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Acho que foi 15 dias depois do começo das filmagens que Kathleen [Kennedy, hoje CEO da Lucasfilm] me chamou para seu escritório e me deu uma dura. Ela não gostou de ver a forma como eu falava com a equipe no set”, disse ainda o diretor.

“Ela disse que aquele tipo de comportamento não era aceitável no set de seus filmes, e foi a maior bronca que eu levei na minha vida. Lembrei da minha mãe e dos meus professores. Aquilo mudou algo em mim, eu passei a respeitar mais as pessoas no set e fora dele”, completa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio