Todo O Dinheiro do Mundo | “Toda forma de publicidade é válida”, diz Ridley Scott sobre substituição de Kevin Spacey

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor de Todo O Dinheiro do Mundo, Ridley Scott, se viu segurando uma enorme bomba dois meses antes do lançamento de seu filme.

Isso se deu por conta de Kevin Spacey, que estava no elenco e no filme já todo feito como um dos personagens principais, ter sido acusado de abuso e assédio sexual por diversas pessoas de Hollywood, inclusive da produção de House of Cards.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A medida tomada em resposta a isso foi retirar Spacey do filme – completamente -, e substituir ele por Christopher Plummer, que regravou as cenas em 9 dias.

Ridley, entrevistado pelo site Entertainment Weekly foi bem sucinto sobre a substituição: “Como diretor, sua principal prioridade é sentar o bumbum na cadeira e entreter de alguma forma. Então, qualquer forma de publicidade é válida”.

Christopher Plummer substituiu Spacey como Jean Paul Getty, o bilionário que teve seu neto de 16 anos raptado na década de 70. O elenco ainda conta Michelle Williams, Mark Whalberg, Romain Duris e Charlie Plummer.

Ridley confirmou recentemente que não avisou Kevin Spacey que ele seria trocado no filme.

Todo o Dinheiro do Mundo estreia no brasil em 18 de janeiro de 2018.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio