Greta Gerwig se torna a quinta mulher indicada ao Oscar de Melhor Direção

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Greta Gerwig foi lembrada pela Academia por seu trabalho no comando de Lady Bird: A Hora de Voar, se tornando assim a quinta mulher na história do Oscar a ser indicada a Melhor Direção.

Ela é precedida por Lina Wertmuller (por Pasqualino Sete Belezas, em 1977), Jane Campion (por O Piano, em 1994), Sofia Coppola (por Encontros e Desencontros, em 2004) and Kathryn Bigelow (por Guerra ao Terror, em 2010).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Bigelow é a única mulher que já venceu o Oscar na categoria, marca que pode mudar no dia 4 de março de Gerwig vencer seus concorrentes. São eles: Guillermo Del Toro (A Forma da Água), Jordan Peele (Corra!), Christopher Nolan (Dunkirk) e Paul Thomas Anderson (Trama Fantasma).

Lady Bird: A hora de Voar chega aos cinemas brasileiros em 15 de fevereiro de 2018.

Enquanto isso, o Oscar foi marcante para as mulheres por outro motivo: a cinematógrafa Rachel Morrison se tornou a primeira mulher a ser indicada em Melhor Fotografia, pelo trabalho em Mudbound, da Netflix.

Veja esses e outros recordes do Oscar 2018

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio