Pantera Negra | Roteirista sobre corte de romance lésbico: “Não era importante”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ATENÇÃO: SPOILERS A SEGUIR

O roteirista Joe Robert Cole falou ao ScreenCrush sobre o suposto corte de um romance lésbico em Pantera Negra – segundo o escritor, a relação entre Okoye (Danai Gurira) e Ayo (Florence Kasumba) nunca foi grande parte do filme.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Se estou correto, tínhamos apenas uma pequena cena em que elas dialogavam, e havia a implicação de um romance. Posso estar errado aqui, mas de uma forma ou de outra não era um grande tema do filme. Não cortamos nada que mudou a cara do filme ou da relação entre dois personagens”, garantiu.

Segundo reportagem anterior da Vanity Fair, a cena cortada tinha Okoye e Ayo flertando e trocando elogios, deixando o romance entre elas nas entrelinhas. Caso tenha havido o corte, não é a primeira vez que a Marvel apagaria a implicação de uma personagem LGBT de seus filmes – o mesmo aconteceu com a Valquíria de Thor: Ragnarok.

Pantera Negra vai mostrar T’Challa (Chadwick Boseman), o Pantera Negra, retornando para ao reino de Wakanda para assumir seu trono ao passo em que enfrenta um poderoso novo inimigo, Erik Killmonger (Michael B. Jordan).

Pantera Negra, dirigido por Ryan Coogler, estreia em 15 de fevereiro de 2018.

Pantera Negra e os filmes mais aguardados de 2018

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio