Pantera Negra | Wakanda seria real sem colonização da África por brancos, diz atriz

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Lupita Nyong’o disse que Wakanda, país fictício de Pantera Negra, é uma visão de como seria a África caso o continente não tivesse sido colonizado por brancos.

Criada no Quênia, a intérprete da heroína Nakia no filme da Marvel expôs suas criticas em entrevista ao programa The View (via Metro UK). “A África é um continente que foi violado e abusado sistematicamente”, afirmou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O que o colonialismo fez foi reescrever a nossa história como uma narrativa de pobreza e sofrimento”, disse. “Wakanda é especial por nunca ter sido colonizada, o que vemos nela é um cenário de como a África poderia ser caso tivesse construído a sua própria história”.

“O filme faz o país parecer legal e futurista, mas suas referências são de culturas antigas. A diversidade desse filme vem diretamente da diversidade do continente”, analisou ainda.

Pantera Negra já passa dos US$ 450 milhões de bilheteria mundial.

Atriz de Pantera Negra estará em cinebiografia de apresentador de TV

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio