A Disney continua a marcar remakes live-action para seu clássicos animados: a “vítima” da vez é A Dama e o Vagabundo (1955), que terá o diretor Charlie Bean (LEGO Ninjago) no comando.

A informação do THR é que o filme será feito em mistura de live-action e animação 3D, como o vindouro remake de O Rei Leão e aquele já lançado de Mogli: O Menino Lobo.

Artemis Fowl | Disney anuncia início das filmagens de adaptação de livro


O curioso é que a Disney não pretende lançar A Dama e o Vagabundo nos cinemas, e sim diretamente em seu serviço de streaming próprio, que deve estrear em 2019.

O longa original, dirigido por Clyde Geronimi, Wilfred Jackson e Hamilton Luske, mostrava a amizade e romance que florescia entre uma Cocker Spaniel mimada e um cachorro de rua, com quem ela decidia viajar após acontecimentos trágicos em seu lar.