Roteirista de Me Chame Pelo Seu Nome critica diretor por cortar nudez

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

James Ivory, roteirista premiado com o Oscar por seu trabalho em Me Chame Pelo Seu Nome, chamou de “falsa” a decisão do diretor Luca Guadagnino de não mostrar a nudez completa de seus dois protagonistas.

“Quando Luca disse que nunca pensou em colocar nudez, ele está mentindo”, contou ao The Guardian. “Nós nos sentamos juntos nessa mesma sala onde eu estou falando com você agora, e ele me prometeu que iria fazer. Quando ele diz que foi só uma decisão estética – isso é uma mentira”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Me Chame Pelo Seu Nome é barrado de festival chinês por conteúdo gay

“Meu roteiro tinha muita nudez. O que aconteceu foi que Timothée [Chalamet] e Armie [Hammer] assinaram contratos dizendo que não haveria nudez frontal. Eu sempre acho falso quando as pessoas fazem sexo no cinema e depois estão cobertas de lençóis nos lugares estratégicos”, disse ainda.

“Eu não gosto de fazer isso, e como diretor nunca fiz. Em Maurice [1987], os dois caras fazem sexo, eles se levantam da cama, e você vê tudo o que veria em uma situação normal. É muito mais natural do que o que Luca fez, que foi desviar a câmera no momento do sexo”, completou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio