Os criadores da Vila Sésamo não querem seu nome ligado ao novo filme de Melissa McCarthy, The Happytime Murders.

O Sesame Workshop está processando a produtora por trás do filme com classificação para maiores, dirigido por Brian Henson, filho do marionetista Jim Henson, da Vila Sésamo, alegando que o filme poderia causar “danos irreparáveis” à marca do programa, de acordo com uma ação judicial. obtido pela explosão.

Em sua denúncia, os criadores da Vila Sésamo afirmam que o slogan do filme, “No Sesame, All Street” (Sem Sésamo, Todo ‘na rua’), leva o público a acreditar que há uma conexão com o programa.


O trailer do filme, segundo eles, “confunde deliberadamente os consumidores em acreditar erroneamente que o Sesame está associado, permitiu ou até endossou ou produziu o filme e mancha a marca do Sesame”.

Em resposta, a STX Entertainment, a produtora por trás de The Happytime Murders, divulgou uma declaração por seu advogado. “A STX adorou a ideia de trabalhar de perto com Brian Henson e a Jim Henson Company para contar a história não contada da vida ativa dos bonecos de Henson quando eles não estão se apresentando na frente de crianças”, disse Fred, em nome da STX.