ATENÇÃO: SPOILERS A SEGUIR

Muito já se falou sobre as diferenças entre Vingadores: Guerra Infinita e Em Busca do Poder e Desafio Infinito, HQs na qual o filme se inspirou. A maior delas, é a motivação de Thanos.

O Titã Louco é motivado pelo seu amor pela Morte nos quadrinhos, diferente do filme. Ainda assim, há um pouco da Morte no filme. Confira o que o diretor Anthony Russo tem a dizer sobre a relação da personagem com Gamorra:


“Eu não acho que nós relacionaríamos (Gamora) e a jovem Gamora diretamente com a Morte, exceto pelo fato de que é com isso que Thanos se preocupa. Nós sempre queremos correr nas relações que estão crescendo e se desenvolvendo no MCU e o fato de que Gamora e Nebula eram filhas de Thanos e o fato de que elas tinham esse relacionamento muito opressivo com ele era tão excitante para nós. Era uma área tão rica para mim. Meio que um relacionamento perverso e abusivo entre pai e filha. Foi … tivemos que correr como contadores de histórias. É apenas uma motivação muito mais poderosa para Thanos e um relacionamento mais poderoso para Thanos”.

Vingadores: Guerra Infinita teve cenas importantes gravadas no Brasil

Vingadores: Guerra Infinita se tornou o filme mais rápido a atingir a marca de US$ 1 bilhão em bilheteria, tendo atingido o feito em pouco mais de uma semana em cartaz (saiba todos os números aqui).

O longa ainda é a maior estreia para um filme nos Estados Unidos, tendo superados os números de Star Wars: O Despertar de Força em seu lançamento (leia mais).

O filme ainda vendeu mais do que os últimos sete lançamentos da Marvel combinados em ingressos antecipados – saiba mais do número aqui.

A estreia foi tão forte que ajudou a Marvel a completar US$ 15 bilhões de bilheteria acumulada em todos os seus filmes – saiba mais.