Os filmes da Marvel Studios de 2018 já vieram e foram, mas as discussões sobre o futuro sempre continuam.

Responsável por Homem-Formiga e a Vespa, o diretor Peyton Reed sentou em entrevista para o Digital Spy e falou um pouco sobre suas expectativas para a Fase 4 do estúdio, que são principalmente baseadas em diversidade.

“Estou muito esperançoso de que irá se desenvolver e mudar da maneira que precisa, que é para justamente refletir a todo mundo”, diz Reed. Pessoas adoram duas coisas em filmes: elas adoram ver a si mesmas representadas na tela – não importando se é são só os Estados Unidos ou globalmente, obviamente é um mundo muito diversificado.”


Leia também: Produtor da Marvel promete representantes LGBTQ nos próximos filmes

“A outra coisa é que eu acho que as pessoas precisam sair de suas bolhas e ver outras experiências. Não existe nada mais empolgante para mim do que ir assistir a um filme independente que se passa em outra parte do mundo onde há um personagem ou cultura da qual eu não sei absolutamente nada.”

“É isso o que os filmes sempre foram capazes de fazer, e continuam fazendo. E agora que os filmes operam em uma escala tão global – um filme da Marvel, geralmente, estreia no mundo inteiro ao mesmo tempo – há uma oportunidade de contar muitas histórias diferentes, e com perspectivas distintas. E eu acho que é isso o que vocês vão ver muito no MCU.”

O próximo filme da Marvel Studios chega só em março de 2019, quando a Capitã Marvel de Brie Larson fizer sua estreia nas telonas.

Até lá, Homem-Formiga e a Vespa ainda está em cartaz nos cinemas brasileiros – leia a nossa crítica.