Ao que indica, o elenco de Guardiões da Galáxia está ao lado do diretor demitido James Gunn. Depois de Chris Pratt e Zoa Saldana, foi a vez de Michael Rooker, que interpreta Yondu Udonta, se manifestar sobre a demissão do cineasta.

No entanto, Rooker não decidiu fazer apenas uma postagem. O ator anunciou publicamente que está desativando a conta na rede social, afirmando que todos estão “cansados e chateados”.

“Essa conta será inativa depois de hoje. Nós estamos muito cansados e chateados depois dessa besteira toda… nem eu, nem meus representantes usarão o Twitter de novo. Twitter é uma droga e eu não tenho nada a ver com isso. Obrigado a todos que nos deram palavras gentis e apoio. Vejo vocês no Instagram”, declarou o astro.


Vale ainda contar que Rooker utilizava uma foto em que aparece lado a lado com James Gunn na plataforma.

Zoe Saldana e Chris Pratt quebram o silêncio após demissão de James Gunn de Guardiões da Galáxia Vol. 3

Durante a última semana, uma série de tweets de Gunn fazendo piadas com pedofilia anos atrás foram resgatados. As piadas de Gunn fizeram com que na tarde desta sexta-feira ele fosse demitido pela Marvel da direção de Guardiões da Galáxia Vol. 3 (saiba mais).

Gunn chegou a se manifestar após a demissão, dizendo que suas piadas antigas não manifestam a pessoa que ele é hoje (saiba tudo o que ele disse). Enquanto isso, fãs do diretor fizeram uma petição para sua readmissão.

Guardiões da Galáxia Vol. 3 tinha previsão de estreia para 2020. Gunn estava trabalhando no roteiro, que começaria a ser filmado já nos próximos meses. A Disney não comunicou como ficará o cronograma do longa com a saída do diretor.