A Netflix acaba de iniciar os testes para o novo pacote de assinatura que pretende lançar. Denominado ‘Ultra’, a empresa que descobrir se os clientes estão dispostos a pagar um valor mais alto para terem acesso a mais aparelhos com conteúdo ultra HD ou se optam po conteúdos no formato HDR (High Dynamic Range, tecnologia que oferece cores mais vibrantes e maior contraste).

Com preço mensal de 16,99 dólares (aproximadamente R$ 66), o plano Ultra está sendo testado duas versões. Na primeira delas, o consumidor tem acesso ao conteúdo ultra HD em até quatro aparelhos simultaneamente – a assinatura Premium que já oferecia esse serviço será reduzida para apenas dois aparelhos. Atualmente ela custa 13,99 dólares ao mês (R$ 54).

No outro teste, assinaturas Premium e Ultra continuam tendo permissão para quatro aparelhos simultâneos com conteúdo ultra HD, mas somente o pacote Ultra libera ao assinante a tecnologia HDR.


Desde 2013, a Netflix oferece o “pacote família” como uma alternativa para quem quer logar em até quatro aparelhos diferentes. Um ano depois, adicionou o sistema ultra HD somente ao seu pacote mais caro. Com os testes, ela pretende descobrir o quanto os clientes preferem conteúdo HDR em detrimento da liberdade de assistir em até quatro aparelhos ao mesmo tempo.

Apenas alguns poucos usuários participarão terão direito a testar as novas opções da empresa. Assim como em todos os experimentos da Netflix, a companhia de streaming pode adotar ou não as novas medidas.