Tom Hardy conversou com a revista Entertainment Weekly sobre seu próximo longa, Venom, e explicou a relação do simbionte do título com Eddie Brock, o jornalista que acaba sendo hospedeiro do parasita alienígena.

Ao falar sobre as diferenças de Eddie e Venom, Hardy inicialmente os comparou ao desenho animado para adultos Ren & Stimpy. “Eles meio que são como Ren e Stimpy, sabe? São duas pessoas com sons diferentes”.

Hardy então explicou o modo como enxerga cada um dos dois personagens no longa: “Eu sempre vi o Venom como uma espécie de James Bond lagarto, e o Eddy é meio que… meio que o cara comum. Mas ele herdou esse grande ego, essa fera [dentro de si]”.


O ator ainda comentou sobre a dualidade dos personagens, dizendo que chega até mesmo a ser trágico e cômico: “Há um elemento tragicômico, o que eu acho que é engraçado e harmonioso com alguns trabalhos que eu já fiz. Há algo engraçado na circunstância de ter esse dom, mas é um dom trágico. É um super poder que você realmente não quer ter, mas ao mesmo tempo, você ama isso. Isto te torna especial”.

Venom | Após nova imagem de anti-herói, Tom Hardy afirma que está vivendo seu personagem preferido

O longa mostrará a origem do simbionte que toma conta de Eddie Brock (papel de Tom Hardy) e lhe oferece incríveis poderes para se tornar o anti-herói Venom. O longa conta com nomes como o da atriz Michelle Williams e o do ator Riz Ahmed no elenco.

O personagem já esteve no cinema em uma ocasião anterior, no longa Homem-Aranha 3, de 2007. Topher Grace interpretou o vilão naquela vez.

Venom, dirigido por Ruben Fleischer, estreia em 5 de outubro de 2018.