Guardiões da Galáxia Vol. 3 | Produtor de Demolidor diz que recusaria dirigir a sequência por causa de James Gunn

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na última semana, a Disney anunciou que não vai recontratar James Gunn para comandar o terceiro filme dos Guardiões da Galáxia. Agora a Marvel precisa procurar um novo diretor, e o estúdio já pode tirar um nome da lista: Steven DeKnight.

DeKnight é mais conhecido como o produtor da série Demolidor e dirigiu Círculo de Fogo: A Revolta. Embora já tenha trabalhado com a Marvel, ao responder uma pergunta de uma fã no Twitter, o diretor revelou que não dirigiria o terceiro Guardiões por causa de James Gunn.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu recusaria educadamente. Não tem jeito de conseguir chegar perto do que James Gunn conseguiu fazer” escreveu o diretor.

Guardiões da Galáxia 3 | Dave Bautista volta a atacar Disney por demissão de James Gunn

O caso começou quando uma série de tweets de Gunn fazendo piadas com pedofilia anos atrás foram resgatados. As piadas de Gunn fizeram com que na tarde desta sexta-feira ele fosse demitido pela Marvel da direção de Guardiões da Galáxia Vol. 3 (saiba mais).

Gunn chegou a se manifestar após a demissão, dizendo que suas piadas antigas não manifestam a pessoa que ele é hoje (saiba tudo o que ele disse). Enquanto isso, fãs do diretor fizeram uma petição para sua readmissão. Atualmente, a petição já conseguiu cerca de 300 mil assinaturas.

Guardiões da Galáxia Vol. 3, que teria Gunn no comando, segue paralisado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio