Os Infiltrados é um do melhores filmes desse século. Além de apresentar um grande trabalho por parte da direção de Martin Scorsese, o filme é lembrado pela atuação competente que Mark Wahlberg ofereceu chegando até mesmo a receber uma indicação ao Oscar de Melhor Ator, a única indicação que recebeu na vida.

Porém, a maior surpresa foi que Mark Wahlberg rejeitou o papel diversas vezes. Em uma entrevista para a GQ, o ator revelou que disse não para Martin Scorsese diversas vezes.

Novo filme com Mark Wahlberg é adiantado


Apesar de ter gostado da ideia de trabalhar com um dos diretores mais conceituados do Cinema, Wahlberg não queria co-protagonizar com astros do calibre de Matt Damon e Leonardo DiCaprio:

“Os Infiltrados foi uma experiência interessante desde o começo porque meu agente tinha confirmado com Scorsese que estava interessado, quando na verdade não estava. Martin me ligou muito entusiasmado e disse que estava ansioso para trabalhar comigo enquanto eu falava que não ia fazer o filme. Queira outro papel e coisas diferentes. Conversamos por um longo tempo até que fui encontrá-lo pessoalmente, exigência do meu agente. Eu já tinha lido o roteiro novamente e estava decidido a não aceitar o papel”, contou.

“Então Scorsese apontou uma cena e disse sobre as coisas que eu poderia fazer com um monte de gente. Mencionei que gostava de improvisar e fazer meu próprio estilo e então ele respondeu: você livra para fazer o que quiser no set. Foi assim que finalmente disse que aceitava participar”, finalizou.

Graças a essa insistência de Martin Scorsese, Mark Wahlberg recebeu sua primeira indicação ao Oscar por Os Infiltrados.