ScreenX é a nova tentativa das redes de cinema de combater a Netflix. Adotada pela primeira vez na Coreia do Sul, em 2012, a tecnologia, que faz uso de três telas de cinema – uma na frente e uma de cada lado – será lançada no Reino Unido, pela rede Cineworld.

De acordo com o CBS News, a rede de exibição britânica pretende adicionar mais de cem telas aos seus cinemas, para adotar o ScreenX.

O foco na inovação ajudou no passado. Desde que o 3D foi popularizado nos cinemas, em 2009, com o lançamento de filmes como Avatar, o arrecadamento das salas de cinema aumentou. O arrecadamento nas bilheterias mundiais aumento, na última década, de 14,4 bilhões de dólares para 40,6 bilhões, de acordo com o MPAA.


Centenas de contas roubadas da Netflix estão à venda na Deep Web

Esse crescimento, no entanto, está diminuindo e as redes exibidoras estão sendo ofuscadas pelo streaming, com canais como a Netflix e a Amazon Prime se tornando a principal escolha dos espectadores quando se trata de Cinema.

Sobre o ScreenX, o Cineworld afirmou que “faz você se sentir como se estivesse dentro da ação”.

Dito isso, ainda é incerto – e improvável – que os cinemas consigam lutar contra a Netflix e a Amazon sem abaixar os preços dos ingressos.