Segurando as Pontas | Judd Apatow não quis dar papel de traficante de drogas a Bryan Cranston

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em comemoração ao aniversário de dez anos de Segurando as Pontas, Seth Rogen e Judd Apatow trouxeram algumas curiosidades sobre o filme.

Uma delas é que o produtor, Apatow, não quis contratar Bryan Cranston para o papel de um traficante de drogas porque ele não parecia “assustador o suficiente para ser um verdadeiro traficante de drogas”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu tenho uma. Bryan Cranston fez uma entrevista para o papel. Ele pode ter até lido o papel em uma mesa e eu disse ‘não acho que ele parece assustador o suficiente para parecer um verdadeiro traficante de drogas’. Se ele tivesse feito Segurando as Pontas, talvez o pessoal de Breaking Bad teria dito, ‘ele não, ele sempre interpreta traficantes de drogas”. – escreveu Apatow em tweet, que pode ser lido abaixo.

Breaking Bad | Bryan Cranston reflete sobre um dos momentos mais inesperados da série

Claro que hoje em dia essa recusa de Apatow a Bryan Cranston soa inimaginável, mas Segurando as Pontas estreou no mesmo ano que Breaking Bad, em 2008. Apatow, portanto, não conhecia o Walter White/ Heisenberg que conhecemos hoje em dia.

O papel acabou indo para Gary Cole, que não deixou de surpreender como traficante.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio