Vingadores: Guerra Infinita | Diretores teriam criado menos Joias do Infinito se pudessem

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao longo do Universo Cinematográfico Marvel, as Joias do Infinito foram sendo apresentadas aos poucos ao longo dos filmes, até chegarmos em Vingadores: Guerra Infinita, que as tem como centro da narrativa.

Agora, nos comentários em áudio de Guerra Infinita, os diretores do filme, Joe e Anthony Russo, comentaram sobre como essas pedras funcionam como macguffins no filme e que preferiam que existissem menos delas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Esse é um filme que recompensa o seu investimento. Se você conhece os outros filmes, acho que terá uma chance maior de ser cativado por ele. Se você nunca viu esses filmes, seguramos sua mão um pouco no início e contamos sobre as Joias e o que elas podem fazer o por que são valiosas para a história.” comentou o roteirista Stephen McFeely.

Vingadores: Guerra Infinita | Diretor afirma que Thanos poderia derrotar Hulk facilmente

Joe Russo, continuou:

“O que é interessante no filme é que dois dos personagens que as audiências gostam bastante estão carregando essas pedras. Então eles são MacGuffins. Doutor Estranho sendo um e o Visão, o outro.

McFeely complementou dizendo que se tivessem criado as Joias do Infinito do zero (e não as tirado dos quadrinhos), teriam decidido que não seriam seis delas, afirmando que “seis MacGuffins é muita coisa para uma história.”

Vingadores: Guerra Infinita está disponível digitalmente e será lançado em Blu-ray no dia 14 de agosto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio