Publicidade

Legítimo Rei | Filme da Netflix terá corte de 20 minutos após estreia criticada

Publicado por Bruno Tomé

24/09/2018 12:57

Legítimo Rei, novo épico da Netflix, passará por uma nova edição por conta das críticas recebidas no Festival Internacional de Toronto. De acordo com o Deadline, o longa perderá cerca de 20 minutos.

Após a sua estreia, o filme estrelado por Chris Pine sofreu duras críticas. No Rotten Tomatoes, a avaliação foi de apenas 41%. A ideia da produção é conseguir melhores avaliações no Festival Internacional de Londres, que começa no dia 17 de outubro.

A decisão partiu do próprio diretor David Mackenzie, conforme informa a publicação. Assim, de 137 minutos, o filme passará a ter 117.

“Eu pude sentir como o público estava no cinema. Eu sou sensitivo ao que eles sentiram”, afirmou o cineasta para publicação.

Legítimo Rei | Robert de Bruce é coroado em foto do filme da Netflix

Os cortes, conforme conta o próprio cineasta, devem ser feitos em sequências completas, que não estariam “ajudando o filme a andar para frente”. As edições serão na primeira parte de Legítimo Rei e também ao final. Além disso, personagens, que ainda não foram revelados, praticamente desaparecerão da história.

Mesmo com o corte, o longa não deve fugir da sinopse já divulgada oficialmente pela Netflix. Confira:

“A história não contada de Robert Bruce, que se transformou de nobre derrotado a um rei relutante, terminando como um herói fora-da-lei no espaço de apenas um ano. Forçado a entrar em guerra para salvar sua família, seu povo e seu país da opressiva ocupação inglesa da Escócia medieval, Robert toma a coroa escocesa e lidera um grupo desorganizado de combatentes no enfrentamento do exército mais poderoso do mundo, comandado pelo feroz rei Edward I e seu filho instável, o Príncipe de Gales”.

O elenco de Legítimo Rei conta ainda com Aaron Taylor-Johnson, Florence Pugh e Stephen Dillane.

Legítimo Rei estreia no dia 9 de novembro de 2018.

Publicidade