Aproximadamente sete anos após a estreia de Os Homens que Não Amavam as Mulheres, de David Fincher, o filme, enfim, ganhará sua continuação com Millennium: A Garota na Teia de Aranha. Considerando o tempo entre um filme e outro, é apenas natural que algumas pessoas não saibam que se trata do mesmo universo, com a mesma protagonista.

Agora, o estúdio provou de uma vez por todas que definitivamente não confia na memória dos espectadores e fez questão de alterar o título original do filme, que agora passa a se chamar: The Girl in the Spider’s Web: A New Dragon Tattoo Story, transformando o que já era grande em um título ridiculamente gigantesco. Confira os pôsteres com o novo título abaixo.

Claro que, no Brasil, já fizeram a questão de criar essa conexão muito antes, colocando Millennium antes do título de ambos os filmes da franquia.


Millenium: A Garota na Teia de Aranha | Claire Foy é Lisbeth Salander no primeiro trailer

A Garota na Teia de Aranha é baseado na série de livros de Stieg Larrson e David Lagercrantz. Steven Knight (Peaky Blinders) escreveu o roteiro.

Stephen Merchant (Logan), Sverrir Gudnason (que vive Mikael Blomkvist), Lakeith Stanfield (Alona Casales), Sylvia Hoeks (Blade Runner 2049), Claes Bang, Christopher Convery, Synnøve Macody Lund, Cameron Britton e Vicky Krieps completam o elenco.

Millenium já chegou nos cinemas anteriormente, em uma trilogia sueca e no filme Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, de David Fincher, com Rooney Mara e Daniel Graig no papel de Lisbeth Salander e Mikael Bloomkvist, respectivamente.

Baseado no quarto livro da saga, Millenium: A Garota na Teia de Aranha estreia no Brasil em 8 de novembro deste ano.