Com a onda do #MeToo desenterrando casos abafados de violência sexual contra mulheres, Padma Lakshmi, jurada e autora do Top Chef falou pela primeira vez sobre sua experiência traumática.

Em carta aberta ao The New York Times, Lakshmi revela ter sido estuprada aos 16 anos, quando namorava um sujeito de 23 anos em Los Angeles.

Após 4 anos de namoro, o sujeito se forçou em Lakshmi na noite de Ano Novo, quando ainda era virgem. Lakshmi acordou com seu então namorado a penetrando.


“Aí eu lembro de acordar com uma dor muito afiada, como uma faca, entre minhas pernas. Ele estava em cima de mim. Eu perguntei, `O que você está fazendo?`Ele disse, `Só vai doer um pouco.` `Por favor, não faz isso,`Eu gritei. Depois disso, ele disse, `Eu achei que doeria menos se você estivesse dormindo.` Aí ele me levou de carro pra casa”, diz Lakshmi no depoimento.

Asia Argento desabafa após acusações de abuso sexual: “Essas mentiras destruíram minha vida”

Lakshmi nunca havia falado sobre o incidente, mas foi inspirada após uma declaração infeliz do presidente Donald Trump no Twitter, e ainda completou falando que `só tem a ganhar` com sua revelação, e que mais mulheres precisam falar sobre experiências de violência sexual.

A carta inteira de Padma Lakshmi pode ser lida no The New York Times.