Publicidade

Parque Walt Disney World está sendo processado por ter arruinado pedido de casamento

Publicado por Pedro Vieira

06/10/2018 16:29

Nem tudo o que acontece no Walt Disney World é mágico ou termina bem. É o caso do pedido de casamento de um homem chamado Marc Rubin, que em 2015, pretendia pedir a namorada em casamento em frente ao Castelo da Cinderela.

Entretanto, os planos de Rubin não deram certo, pois uma funcionária do parque chamada Nicole Guzman-Ortiz pediu para que ele se afastasse do local onde seria feito o pedido, pois um desfile iria começar por ali. Segundo o ComicBook, Guzman-Ortiz disse às autoridades que ele agiu de forma violenta, não aceitando se afastar do local, chegando a agredi-la verbalmente e agarra-la durante a discussão. As autoridades do parque chegaram e Rubin pagou uma multa de US$ 100 pelo seu comportamento no parque.

Furacão Irma causa estragos no Walt Disney World da Flórida, nos EUA; veja fotos

Agora, três anos depois do ocorrido, Rubin pretende processar o Walt Disney World por negligência e por prisão falsa alegando agressão física. Segundo ele, a briga que ocorreu no local não foi física e somente verbal e a Disney não quis liberar o vídeo de vigilância que comprovaria sua inocência no caso.

Rubin está processando o parque em US$ 15 mil, pois além de ter sido preso, ele acabou sendo impedido de fazer seu pedido de casamento, como ele planejava.

Publicidade