Essa semana, o diretor do remake de Suspiria, Luca Guadagnino, oficializou o filme que adaptará o álbum Blood on the Tracks, de 1975, de Bob Dylan.

O longa marca mais uma adaptação ou releitura do diretor no cinema. Ao Indie Wire, Luca Guadagnino falou sobre basear-se em outros materiais para realizar longas.

“Eu achei o conceito (do álbum) muito bom porque como disse diversas vezes, eu não acredito em originalidade ao fazer filmes. Eu acho que o cinema é realmente uma questão de ponto de vista”, declarou o diretor.


O cineasta ainda utilizou um exemplo para provar a sua teoria.

Luca Guadagnino, diretor de Suspiria, transformará álbum de Bob Dylan em filme

“Cinema se tornou tudo sobre ser um autor, se isso significa escrever uma história. Então, se você tinha o seu nome escrito num roteiro, isso fazia de você um autor, mas eu cresci com Hitchcock sendo um autor e acho que ele nunca escreveu um roteiro em toda a sua vida”, declarou Luca Guadagnino.

O roteiro de Blood on the Tracks ficará com Richard LaGravenese, conhecido por Pescador de Ilusões. Detalhes da história ainda não foram revelados.

Há rumores de que Blood on the Tracks seja um álbum biográfico do casamento de Bob Dylan com a esposa da época, Sarah. No entanto, o músico nunca confirmou a informação.

Blood on the Tracks ainda não tem previsão de lançamento.