Bohemian Rhapsody | Filme está perto de ser a cinebiografia musical com maior arrecadação da história

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em apenas um final de semana, Bohemian Rhapsody, que traz a vida de Freddie Mercury e do Queen, está perto de se tornar a cinebiografia musical de maior arrecadação da história.

No total, o longa conseguiu US$ 141 milhões ao redor do mundo na estreia, para um orçamento de “apenas” US$ 50 milhões. Se conseguir ao menos metade da quantia na próxima semana, Bohemian Rhapsody passa a frente na lista que, sem a inflação ajustada, é liderada por Straight Outta Compton, de 2015.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O longa sobre o grupo de rap teve arrecadação total de US$ 201 milhões. No mesmo ranking, Johnny & June, que conta a história de Johnny Cash, aparece em segundo, com US$ 181 milhões.

Se calcular a inflação, a primeira colocação é de O destino mudou sua vida, de 1980, que conta a história de Loretta Lynn, com US$ 228 milhões. A expectativa é de que não demore muito para Bohemian Rhapsody assumir a primeira colocação nas duas listas.

Bohemian Rhapsody | Cinebiografia de Freddie Mercury passa dos US$ 100 milhões ao redor do mundo na estreia

O filme retrata a rápida ascensão de Freddie Mercury (Rami Malek) e do Queen ao sucesso. A trama ainda pretende explorar a relação do líder com os seus colegas de banda, Brian May (Gwilym Lee), John Deacon (Joseph Mazzello) e Roger Taylor (Ben Hardy).

O elenco ainda conta com participações de Lucy Boynton, Mike Myers e Tom Hollander.

A direção ficou por conta de Bryan Singer. Já o roteiro é assinado por Anthony McCarten, ganhador do Oscar por A Teoria de Tudo, filme biográfico sobre o físico Stephen Hawking.

Bohemian Rhapsody está em exibição no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio