Com Millennium: A Garota na Teia de Aranha entrando em exibição nos cinemas, o diretor do longa, Fede Alvarez, pode passar a se dedicar a sequência do clássico cult Labirinto – A Magia do Tempo (1986).

O diretor, que é conhecido por não gostar de usar tecnologia nos seus filmes, comentou o fato de que a história envolve fantoches e criaturas ao Yahoo UK. Ao que parece, o cineasta não abandonará os seus princípios no novo projeto.

“Você sabe a minha abordagem com essas coisas, é sobre fazer o mais real possível. Então algo como Labirinto, fazendo isso como um festival de computação gráfica, seria uma das coisas mais repugnantes”, riu Fede Alvarez na entrevista.


Além disso, o diretor contou como é apaixonado pelo original, que conta com David Bowie e Jennifer Connelly.

Labirinto | Roteiro da sequência de clássico cult com David Bowie está finalizado

“Eu sou um grande fã do filme, foi um dos filmes que me fez ser cineasta. É tudo sobre como vamos fazer ele. Não é nem sobre a história. Nós temos a história e nós amamos ela”, informou o cineasta.

Além de reiterar na entrevista que está com o roteiro pronto, Fede Alvarez voltou a garantir que o novo Labirinto será uma sequência. Anteriormente, havia informações de que poderia ser um remake.

“É uma continuação, mas se você não ver o primeiro, ele funciona como uma história de fundo a que queremos contar. Eu escrevi com Jay Basu, e nós estamos muito empolgados”, garantiu o cineasta.

Apesar de Fede Alvarez ter retomado o projeto ainda não há informações de elenco ou previsão de lançamento para a continuação do longa.

Enquanto isso, Millennium: A Garota na Teia de Aranha chega em 8 de novembro aos cinemas.