O filme de espião é um dos gêneros mais populares do cinema de ação, ainda que geralmente extrapolem uma profissão que nem de longe tem tanta adrenalina no mundo real.

Em entrevista para o /Film, os ex-espiões da CIA Peter Earnest e Joanna Mendez falaram sobre qual o filme do gênero que melhor representa a profissão.

“Eu não suporto assistir filmes de espião quando não são feitos de forma correta. Então o filme que eu destaco por sua fidelidade é O Espião que Sabia Demais. Eu adoro essas histórias sobre espiões – filmes de ação… Nem tanto”, afirma Mendez.


Ironbark | Benedict Cumberbatch é um espião da década de 60 em fotos do filme

“Eu preciso concordar com o que o Jonna disse, sobre O Espião que Sabia Demais. Eu estive envolvido em contra-inteligência, e O Espião que Sabia Demais é basicamente um duelo de suposições. A questão dele é: você identifica um traidor – alguém que traiu seu grupo. Isso acontece na realidade, e eu estive muito perto disso. Então a consequência disso, e o efeito disso nas pessoas é muito real para mim. Então eu particularmente aprecio esse tipo de filme de espionagem”, complementa Earnest,.

O filme de Alfredson trouxe Gary Oldman, Tom Hardy, Benedict Cumberbatch, Mark Strong, John Hurt e Colin Firth em seu elenco, mostrando o espião George Smiley tentando encontrar um traidor na inteligência britânica.

O Espião que Sabia Demais foi lançado em 2011.